Existir é Resistir – Maribel Domènech

PARALELO GALLERY apresenta a mostra Existir é Resistir da artista plástica espanhola, Maribel Domènech. São em oito o número de obras que preenchem os espaços da galeria e, a partir de um auto-retrato de titulo homônimo, a exposição em que ela se posiciona entre os acontecimentos passados e as expectativas futuras de sua vida, faz uma narrativa com suas instalações, fotografias e esculturas, dos temas que a apaixonam e motivam sua criação. Os trabalhos em exibição destacam o ‘tricô’ dos fios condutores de energia e som, que são a base expressiva de caligrafias de gênero. Com curadoria de Amador Griñó, a artista ilustra seu compromisso com a vida e como mulher. Abertura 24 de março.

Exposição: Maribel Domènech – “Existir é Resistir”
Curador/texto: Amador Griñó
Coordenação: Andrea Rehder e Flavia Marujo
Abertura: 24 de março – quinta-feira – às 19h.
Período: de 25 de março até 30 de abril de 2011.
Local: Paralelo Gallery 
Rua Arthur de Azevedo, 986 – Pinheiros
Tel.: (11)2495-6876
Horário: 2a a 6ª feira, das 11 às 19h.
Sábado, das 11 às 15h.
Nº de obras: 8
Técnica: tramas de tricô com fios condutores de energia/ som e fotografia.
Dimensão: de 50 x 50 cm. a 12m²
Preço: a partir de R$ 12.000,00

Como quem questiona o real sentido da vida, a artista plástica espanhola Maribel Domènech vem a PARALELO GALLERY exibir seus trabalhos em Existir é Resistir. Uma reflexão pessoal e contínua, que passa por diversas fases até chegar aos dias de hoje; uma mulher comprometida com o próprio fato de ser mulher, um posicionamento sólido. Com curadoria de Amador Griñó, a artista utiliza técnicas em tricô com fios elétricos de energia e som para construir suas esculturas e instalações.

Nas mãos de Maribel Domènech as agulhas de tricotar transformam o tecido em uma narrativa onde os pontos, tramas, nós, fios elétricos e luzes negras, são a caligrafia com a qual se vão construindo as histórias. Escultora e tecelã em busca da expressão perfeita, converte-se em construtora de simbolis mos do genero.

A exposição tem como ponto de partida uma fotografia com mesmo título; Existir é Resistir. Ela mesma nos explica que é um auto-retrato que realizou num momento de fazer um balanço vital, “Eu estou no meio, entre o meu passado e meu futuro”, define.

Para a artista, o simples fato de existir é um compromisso de viver entregando-se ao risco. Maribel é consciente de que “desde nosso nascimento até a morte devemos sempre resistir, colocar resistência: a doença, a dor, a desilusão, a inju stiça, ao trauma, ao fracasso, a beleza, a angústia, ao choro, ao espolio, ao envelhecimento, etc.”

As obras de Maribel Domènech induzem a reflexão, ao pensamento. Seus trabalhos pretendem alterar emoções, influenciar sentimentos. As alterações pretendidas, não são necessariamente maléficas. Elas se dirigem ao nosso centro de emoções.

Existir é Resistir tem uma óptica diretamente feminina, mas as questões que se abordam interessam a todos”
Maribel Domènech

A Artista:

Nascida em 1951 – Valencia (Espanha) – Domènech constrói uma trajetória que vem desde 1975, pós-morte de seu pai, que também foi escultor. Em 1984 licencia-se em Belas Artes e quatro anos depois conquista o título de Doutora em Belas Artes pelo Departamento de Escultura da Universidade Politécnica de Valência, onde também atua como diretora até o ano de 1994. A partir de 2004 é nomeada Co-Diretora do Programa Interdepartamental de Doutorado Arte Público (Pintura e escultura) da Universidade Politécnica de Valencia.

Esta é a quarta vez que seu trabalho é exibido no Brasil, a primeira em uma exposição individual no circuito de galerias. Já estiveram expostas em instituições nos anos de 2004, 2006 e 2007.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: